Seja bem-vindo!
Meu Cadastro Meus Pedidos Minha Compra 0 itens
Home Conselhos Editoriais Notícias Lançamentos Fale Conosco
 
As Dimensões da Formação Humana
As Faces da Lingüística Aplicada
Caminhos da Construção
Cenas do Cotidiano Escolar
Coleção Desconstruindo a Violência
Coleção Educação Estatística
Coleção Fazer A_Parecer
Coleção Insubordinação Criativa
Coleção Psicologia em Perspectiva
Coleção TerramaR
Desenvolvimento Humano e Práticas Culturais
Discurso e Ensino
Educação
Educação e Psicologia em Debate
Ensaios em Interculturalidade
Estudos da Linguagem
Gêneros e Formação
História, Ciências Sociais e Economia
Histórias de Leitura
Idéias sobre Linguagem
Leitura e Bibliotecas Escolares
Leituras no Brasil
Letramento, Educação e Sociedade
Letras em Série
Lingüística
Lingüística e Psicanálise
Literatura
Memória e História da Educação
Mercado de Letras Fundamental
Mercado de Letras Saúde
Mercado de Letras Temas
Série Aurora
Série Bakhtin - Inclassificável
Série Caminhos da Neurolinguística Discursiva
Série Drogas, Política e Cultura
Série Educação Geral, Superior e Formação Continuada do Educador
Série Educação Matemática
Série Espaços da Linguística de Corpus
Série Estudos do Léxico
Série Estudos em Políticas Públicas e Educação
Série Literatura, Leitura e Educação Infantil
Teoria Literária
 
Detalhes da Obra Mercado de Letras •
Discursos e Práticas de Letramento - Pesquisa Etnográfica e Formação de Professores

(Organização: Izabel Magalhães)

• Izabel Magalhães

DE: R$ 84,00 POR: R$ 58,80 

Embora o País esteja atravessando um momento de transformações em diversos aspectos que são visíveis na área da educação, e especificamente no ensino de línguas, incluindo-se aí o português, há questões que merecem um debate em relação à herança cultural e ao presente. A herança cultural impõe um autoritarismo que ainda se faz notar nas salas de aula com carteiras enfileiradas, num discurso semiótico dominado pela mesa do professor ou da professora, que continua com um peso de autoridade inegável. Porém, é possível notar que educandos e educandas atuais apresentam demandas que muitas vezes deixam de ser contempladas. Paira no ar uma desmotivação que incomoda a quem quer que conheça a situação. Examinando questões relacionadas ao ensino de línguas, e particularmente da leitura e da escrita em língua portuguesa, este livro aborda temas relacionados ao letramento, ao discurso e à formação de professores, dirigindo-se a professores e professoras, estudantes e especialistas.

SOBRE A ORGANIZADORA:

Izabel Magalhães - Professora Visitante na UFC e ex-coordenadora do Núcleo de Estudos em Linguagem e Sociedade (Ceam/UnB). Desenvolve pesquisas sobre discurso, letramento e identidade. Seu último livro publicado foi Práticas identitárias: língua e discurso (com Marisa Grigoletto e Maria José Coracini (São Carlos, SP: Claraluz, 2006).

SOBRE OS AUTORES:

Arvind Bhatt - Pesquisador da Universidade de Lancaster de 1993 a 1996, em dois projetos de pesquisa etnográfica sobre práticas de letramento multilíngue. Foi professor/consultor de línguas comunitárias em Leicestershire, Reino Unido. É professor de inglês em uma escola de Ensino Médio, em Leicester, Reino Unido.

Brian Street - Professor da Universidade de Londres, Inglaterra, e Professor Visitante na Universidade de Pennsylvania, EUA. Sua pesquisa sobre letramento e educação no Irã, na década de 1970, é reconhecida internacionalmente. Autor de diversos livros, dentre os quais Social literacies (Longman, 1995).

Christine Carvalho - Professora do Curso de Letras da Universidade Católica de Brasília, atuando nas áreas de Linguística e Língua Portuguesa, e Leitura e Produção de Texto à distância. Suas pesquisas são voltadas para os gêneros discursivos e o letramento digital.

Guilherme Rios - Pesquisador-tecnologista do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/Mec) e membro do Núcleo de Estudos em Linguagem e Sociedade (UnB). Pesquisa discursos de letramento e alfabetização de jovens e adultos e publicou o livro Literacy discourses (Verlag, 2009).

Inês Signorini - Professora do Departamento de Linguística Aplicada da Unicamp e coordenadora do grupo de pesquisa Práticas de Escrita e de Reflexão sobre a Escrita em Contextos de Ensino. Um de seus livros publicados é Investigando a relação oral/escrito e as teorias do letramento (Editora Mercado de Letras, 2001).

Kathryn Jones - Consultora de pesquisa na Companhia de Línguas (The Language Company Ltd.) do País de Gales. Nesse país, pesquisou as práticas de letramento entre os falantes de galês. Tem interesse por multilinguismo, letramento, planejamento e política de línguas.

Marilyn Martin-Jones - Professora da Universidade de Birmingham, Reino Unido, atuante nos temas: bilinguismo, discurso bilíngue e letramento multilíngue. Seus estudos localizam-se em contextos urbanos multilíngues da Inglaterra. Um de seus livros publicados é Multilingual literacies (John Benjamins, 2000).

Norman Fairclough - Professor Emérito da Universidade de Lancaster, Reino Unido, com um trabalho reconhecido internacionalmente na área de Análise de Discurso Crítica (ADC). Tem muitos livros publicados, dentre as quais Discurso e mudança social (Editora Universidade de Brasília, 2001).

Renato Hilário dos Reis - Coordenador do Projeto Paranoá/Itapoã de Alfabetização e Formação de Alfabetizadoras/es de Jovens e Adultos de Camadas Populares desde 1989. É professor da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília, onde coordena o grupo de Educação Popular e Estudos Filosóficos e Culturais.

Silviane Barbato - Professora do Departamento de Psicologia Escolar e do Desenvolvimento, do Instituto de Psicologia da Universidade de Brasília. É pesquisadora do LABMIS e líder do grupo de pesquisa Pensamento e Cultura (GPPCULT).

 
 
Por: R$ 58,80
ISBN: 978-85-7591-246-1
Páginas: 336
Formato: 14 x 21
Altura: 16
Largura: 14
Comprimento: 21
Acabamento: Brochura
Edição:
Idioma: Português
Ano: 2012
 
 
Forma de Pagamento :