Seja bem-vindo!
Meu Cadastro Meus Pedidos Minha Compra 0 itens
Home Conselhos Editoriais Notícias Lançamentos Fale Conosco
 
As Dimensões da Formação Humana
As Faces da Lingüística Aplicada
Caminhos da Construção
Cenas do Cotidiano Escolar
Coleção Desconstruindo a Violência
Coleção Educação Estatística
Coleção Fazer A_Parecer
Coleção Insubordinação Criativa
Coleção Psicologia em Perspectiva
Coleção TerramaR
Desenvolvimento Humano e Práticas Culturais
Discurso e Ensino
Educação
Educação e Psicologia em Debate
Ensaios em Interculturalidade
Estudos da Linguagem
Gêneros e Formação
História, Ciências Sociais e Economia
Histórias de Leitura
Idéias sobre Linguagem
Leitura e Bibliotecas Escolares
Leituras no Brasil
Letramento, Educação e Sociedade
Letras em Série
Lingüística
Lingüística e Psicanálise
Literatura
Memória e História da Educação
Mercado de Letras Fundamental
Mercado de Letras Saúde
Mercado de Letras Temas
Série Aurora
Série Bakhtin - Inclassificável
Série Caminhos da Neurolinguística Discursiva
Série Drogas, Política e Cultura
Série Educação Geral, Superior e Formação Continuada do Educador
Série Educação Matemática
Série Espaços da Linguística de Corpus
Série Estudos do Léxico
Série Estudos em Políticas Públicas e Educação
Série Literatura, Leitura e Educação Infantil
Teoria Literária
 
Detalhes da Obra Mercado de Letras •
Discursos em Perspectiva - Humanidades Dialógicas

(Organização: Luciane de Paula)

• Luciane de Paula

DE R$88,00 POR R$ 61,60.

O livro Discursos em perspectiva objetiva prolongar o sabor do saber apresentado pelos convidados do III Simpósio Internacional de Estudos Discursivos (SIED) em suas conferências. Banquete teórico-analítico, a obra se oferece aos leitores como a comida se estende à mesa, à espera de ser degustada e digerida. Composto por “pratos” típicos de diversas culinárias epistemológicas distintas, tenta carnavalizar perspectivas, postas em diálogo, ao paladar reflexivo de quem lê e analisa não apenas com os olhos, a boca e a mente, mas com o corpo inteiro. Comer como antropófagos significa digerir sem engolir verdades, mas ruminar sabores que, ao mesmo tempo, fazem parte do mesmo prato e se distinguem com seus sabores peculiares. Nessa interação que não se amalgama está a riqueza do embate proposto, tanto nas teorias quanto na prática, como ato de prolong-ação de linguagens que constituem sujeitos tanto quanto as humanidades, por meio das linguagens, se constituem. Pintura, mídia, canção, criança, literatura, crise, auto-reflexão são alguns dos sabores que, antes de ter contato com a língua de cada leitor, espalham seu sabor pelo cheiro. Cheiro de linguagem que aguça os olhos e o paladar. Diversos sabores compõem os saberes que, para serem digeridos, pedem mentes, corpos e almas abertos à experimentação, tanto do conhecido e costumeiro quanto do novo, estranho a si. Prontos a experimentar? Ótima digestão porque, como diz Rodrigo S.M, no final de A hora da estrela, “é tempo de morango”.


SOBRE A ORGANIZADORA:

Luciane de Paula possui graduação em Letras (1997), pela Unesp - Araraquara, mestrado (2001) e doutorado (2007) em Linguística e Língua Portuguesa pela mesma Universidade e pós-doutorado (2011) pela Université François Rabelais - Tours - France. Atualmente é professora do curso de Letras, Departamento de Linguística, da Unesp - Assis e do Programa de Pós-Graduação em Linguística e Língua Portuguesa da Unesp - Araraquara. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Análise Dialógica do Discurso e atua, principalmente, nos temas: Círculo de Bakhtin, filosofia da linguagem, análise do discurso, semiótica, canção e verbivocovisualidade. Coordena o GED - Grupo de Estudos Discursivos, na Unesp - CAs. Dentre as suas publicações, possui as organizações, com Grenissa Stafuzza, da Série Bakhtin - Inclassificável, com 3 volumes publicados e o 4º, no prelo, todos pela editora Mercado de Letras; e o livro Da Análise do Discurso no Brasil à Análise do Discurso do Brasil: três épocas histórico-analíticas, pela Edufu; assim como, organizou, com Alessandra Del Ré e Marina Célia Mendonça, os livros A linguagem da criança: um olhar bakhtiniano e Explorando o discurso da criança, ambos publicados pela Editora Contexto, em colaboração com os grupos NaLíngua, GED e Slovo.

SOBRE OS AUTORES:

Alejandro Guillermo Raiter é Professor titular regular de Sociolinguística na Faculdade de Filosofia e Letras da Universidad de Buenos Aires. Licenciado em Letras pela Faculdade de Filosofia e Letras da Universidade de Buenos Aires e Doutor pela Universidade de Buenos Aires, na área de Linguística. No âmbito da Análise do Discurso, suas pesquisas se centram na relação entre linguagem e ideologia, como uma possibilidade de produção, circulação e consumo de textos. É membro do conselho editorial das revistas: Rasal, Discurso y Sociedad, Discurso & Sociedad Huellas. Revista del Illpat - Facultad de Humanidades y Ciencias Sociales. Unpata, Perspectivas de la Comunicación (Chile), El Faro (Universidad de Playa Ancha - Chile) e Signo & Seña. Dentre o seus trabalhos estão “Lenguaje en uso. Enfoque sociolingüístico”, “Información psicolingüística para el docente”, “Lingüística y política” e ‘Lenguaje y Sentido Común”.

Anthony John Wall é Professor do departamento de Francês, Italiano e Espanhol da Universidade de Calgary. Tem graduação em Francês e Alemão pela McMaster University, certificado de estudos aprofundados em francês e literatura comparada pela Université de Strasbourg e doutorado pela Queen’s University. Têm interesse nas áreas de Filosofia da Linguagem, Teoria da Literatura, Romance contemporâneo de Quebec e da França, Iluminismo Francês, Pintura Renascentista na França e na Itália e Literatura Comparada. Foi eleito para a Royal Society do Canadá em 2009 e, em 2013. Ministrou o curso “Bakhtin e o Iluminismo Francês”, na Universidade Federal de Espírito Santo.

Alessandra Del Ré é mestre e doutora em Linguística pela Universidade de São Paulo, realizou parte de seu doutoramento na Université René Descartes (Sorbonne/Paris V), e desenvolveu uma pesquisa de Pós-Doutorado na Université Paris X/MoDyCo/Colaje. Desde 2004 é docente do Departamento de Linguística da Faculdade de Ciências e Letras da Unesp Araraquara. Entre outros trabalhos, organizou, com as Profas. Dras. Luciane de Paula e Marina Mendonça, os livros “A linguagem da criança: um olhar bakhtiniano” e “Explorando o discurso da criança”, em colaboração com os grupos NaLíngua, GED e Slovo. Tem experiência na área de Linguística, com ênfase em Aquisição da Linguagem, principalmente, nos temas aquisição de língua oral, humor infantil, argumentação e referência, todos eles dentro de uma perspectiva dialógica.

Dantielli Assumpção Garcia possui graduação em Letras pela Unesp, mestrado e doutorado em Estudos Linguísticos pela mesma universidade. Atualmente, realiza uma pesquisa de Pós-Doutorado (A Marcha das Vadias nas redes sociais: efeitos de feminismo e mulher, com Apoio Fapesp) na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP de Ribeirão Preto, sob a supervisão da Profa. Dra. Lucília Maria Abrahão e Sousa. Tem experiência na área de Linguística, com ênfase em Análise de Discurso e História das ideias Linguísticas, atuando, principalmente, nos temas dicionário da língua portuguesa, dicionário da língua brasileira, arquivo, Institutos Históricos e Geográficos, análise do discurso urbano, redes sociais, feminismo, cibercultura e cibermilitância.

Ekaterina Vólkova Américo possui graduação e mestrado em História, Literatura e Cultura Russa e Hispano-americana pela Universidade Estatal de Ciências Humanas de Moscou. Possui mestrado e doutorado pela Universidade de São Paulo, em Literatura e Cultura Russa. Foi organizadora, responsável pela implementação e professora ministrante do curso de Russo no Campus pela FFLCH, USP. Atualmente, ministra, como professora visitante, curso de extensão de língua russa no projeto Universidade de Brasília/Ministério das Relações Exteriores (2014). Tradutora e pesquisadora das obras de Iúri Lotman, Mikhail Bakhtin, Pável Medviédev, Piotr Bogatyriov e Roman Jakobson, entre outros.

Grenissa Bonvino Stafuzza possui graduação em Letras pela Unesp - Ibilce São José do Rio Preto, mestrado em Linguística pela Universidade Federal de Uberlândia e doutorado em Linguística e Língua Portuguesa pela Unesp - Araraquara. Realizou o estágio de doutoramento na Université Paris XII - Val-de-Marne, Paris, França, sob a supervisão de Dominique Maingueneau. Atualmente, é professora da Universidade Federal de Goiás, Campus Catalão, onde lidera o Gedis - Grupo de Estudos Discursivos. É editora dos Cadis - Cadernos Discursivos. Tem experiência na área da Educação, com ênfase em Linguística e Língua Portuguesa. Atua como pesquisadora no campo da análise do discurso e do Círculo de Bakhtin nos temas literatura, crítica literária universitária, discurso crítico e discurso institucional e possui, dentre as suas publicações, as organizações, com Luciane de Paula, da Série Bakhtin - Inclassificável, com 3 volumes publicados e o 4º, no prelo, todos pela editora Mercado de Letras; bem como do livro Da Análise do Discurso no Brasil à Análise do Discurso do Brasil: três épocas histórico-analíticas, pela Edufu.

Isabela Morais é graduada e mestre em Ciências Sociais pela Unesp Araraquara. Atua nas áreas de Filosofia da linguagem, Estudos Culturais e Semiótica da Canção. Atualmente, leciona Filosofia e Sociologia na ETEC Irmã Agostina, onde coordena o grupo de estudos de canção “Das coisas que aprendi nos discos”. É cantora e compositora; participou do álbum e da turnê “E a gente sonhando...”, com Milton Nascimento; montou, dirigiu e cantou no projeto “A bênção de Moraes”; e está, há 12 anos, no projeto Ummagumma The Brazilian Pink Floyd.

Leandro Silva de Oliveira é graduado em Ciências Sociais pela Unesp Araraquara, mestre em Sociologia pela mesma instituição e doutorando em sociologia na UFSCar. Trompetista e autor do livro de poesia chamado Real e de viés.

Luís Fernando Bulhões Figueira é Professor do Departamento de Línguas e Letras na Universidade Federal do Espírito Santo. Doutor e mestre em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal de Uberlândia, com sanduíche na Université Paris XIII - Villetaneuse. Graduado em Letras pela Universidade Federal de Uberlândia. Tem experiência na área de Linguística, especificamente em Análise de Discurso, atuando, principalmente, nos temas história e epistemologia da Análise de discurso. Representante institucional da UFES no programa Francês sem Fronteiras (SESu/MEC). Coordenador do Grupo de estudos sobre Discurso e Ideologia - Grudi. Pesquisador do Laboratório de Estudos Polifônicos (LEP - UFU) e do Grupo de Estudos Discursivos (Gedis - UFG).

Nara Lya Simões Caetano Cabral é mestranda do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Comunicação da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA/USP), bolsista do CNPq e possui bacharelado em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela mesma instituição.

Rosângela Nogarini Hilário é Graduada em Pedagogia pela Unesp/FCLAr e doutora em Linguística e Língua Portuguesa pela mesma Universidade, na área de Aquisição da Linguagem. Concluiu estágio de doutorado na Université Sorbonne Nouvelle Paris 3, sob a direção da Profa. Dra. Anne Salazar-Orvig e co-orientação da Profa. Dra. Aliyah Morgenstern. Atualmente, desenvolve uma pesquisa de pós-doutorado, sob a supervisão da Profa. Dra. Márcia Romero, na UnifespGuarulhos, acerca da problematização e co-construção dos sentidos, em sala de aula, nas atividades de compreensão textual.

Rubens César Baquião possui Graduação em Letras pelo Centro Universitário da Fundação Educacional Guaxupé, mestrado e doutorado pelo Programa de Pós-Graduação em Linguística e Língua Portuguesa da Unesp - Araraquara. Atua, principalmente, nos temas semiótica, metalinguagem, mídia, contracultura, mitologia, análise do discurso e fenomenologia. Membro do grupo de estudos semióticos Casa (Cadernos de Semiótica Aplicada) e do grupo de estudos bakhtinianos Slovo, ambos da Unesp de Araraquara.

Sandra Leila de Paula possui graduação em Ciências Sociais, Mestrado (1993) e Doutorado em Sociologia pela Unesp, Ararquara. Fez pós-doutorado na Universidade do Porto - Portugal. Atualmente é pesquisadora do Instituto de Sociologia da Universidade do Porto e Professora Associada da Universidade Federal de Uberlândia. Tem experiência na área de Sociologia e Metodologia de Pesquisa, com ênfase em Sociologia, atuando principalmente os seguintes temas: educação, sociologia, gênero, cultura, controle, violência, política e sociedade. Pesquisadora dos Núcleos Neguem e Nupecs e do Centro de Estudos de Violência Cevio, com concentração em estudos sobre violências contra a mulher, a infância e adolescência.

SOBRE OS TRADUTORES:

Alexis Henrique Albuquerque Matarazzo é graduando em Letras pela Unesp, Assis. Membro do GED - Grupo de Estudos Discursivos. Possui Iniciação Científica na área de Filosofia da Linguagem e bolsa Pibiti/CNPq.

Bárbara Melissa Santana é graduanda em Letras pela Unesp, Assis. Interessa-se pelos estudos bakhtinianos. Possuiu Iniciação Científica com apoio Fapesp na área de Filosofia da Linguagem e é membro do GED - Grupo de Estudos Discursivos.

Marcela Barchi Paglione é graduanda em Letras pela Unesp, Assis. Fez intercâmbio na Universidade de Lile - França. Interessa-se pelos estudos bakhtinianos. Possui Iniciação Científica com apoio Fapesp na área de Filosofia da Linguagem e é membro do GED - Grupo de Estudos Discursivos.

Rafael Marcúrio Da Cól é graduado em Letras pela Unesp, Assis (2013). Interessa-se pelos estudos bakhtinianos. Possuiu Iniciação Científica com apoio Fapesp na área de Filosofia da Linguagem e é membro do GED - Grupo de Estudos Discursivos.

 
 
Por: R$ 61,60
ISBN: 978-85-7591-338-3
Páginas: 352
Formato: 14 x 21
Altura: 16
Largura: 14
Comprimento: 21
Acabamento: Brochura
Edição:
Idioma: Português
Ano: 2014
 
 
Forma de Pagamento :