Seja bem-vindo!
Meu Cadastro Meus Pedidos Minha Compra 0 itens
Home Conselhos Editoriais Notícias Lançamentos Fale Conosco
 
As Dimensões da Formação Humana
As Faces da Lingüística Aplicada
Caminhos da Construção
Cenas do Cotidiano Escolar
Coleção Desconstruindo a Violência
Coleção Educação Estatística
Coleção Fazer A_Parecer
Coleção Insubordinação Criativa
Coleção Psicologia em Perspectiva
Coleção TerramaR
Desenvolvimento Humano e Práticas Culturais
Discurso e Ensino
Educação
Educação e Psicologia em Debate
Ensaios em Interculturalidade
Estudos da Linguagem
Gêneros e Formação
História, Ciências Sociais e Economia
Histórias de Leitura
Idéias sobre Linguagem
Leitura e Bibliotecas Escolares
Leituras no Brasil
Letramento, Educação e Sociedade
Letras em Série
Lingüística
Lingüística e Psicanálise
Literatura
Memória e História da Educação
Mercado de Letras Fundamental
Mercado de Letras Saúde
Mercado de Letras Temas
Série Aurora
Série Bakhtin - Inclassificável
Série Caminhos da Neurolinguística Discursiva
Série Drogas, Política e Cultura
Série Educação Geral, Superior e Formação Continuada do Educador
Série Educação Matemática
Série Espaços da Linguística de Corpus
Série Estudos do Léxico
Série Estudos em Políticas Públicas e Educação
Série Literatura, Leitura e Educação Infantil
Teoria Literária
 
Detalhes da Obra Mercado de Letras •
Savoir-Faire Avec Lalangue
• Association de Psychanalyse Encore

DE R$ 58,00 POR R$ 40,60

Em abril de 2014 a Association Encore de Psychanalyse promoveu um encontro de trabalho em São Paulo, contando com a participação de vários de seus membros, tanto franceses quanto brasileiros. Os trabalhos que compõem esta publicação foram apresentados e discutidos nesse colóquio sob a modalidade de um dispositivo de discussão que permitiu trocas agenciadas pela distribuição randômica dos integrantes nos diversos grupos pelos quais se distribuíram os autores dos textos. O tema do colóquio - savoir-faire avec lalangue - foi abordado privilegiando-se suas articulações com a dimensão da letra e da transmissão.

O volume testemunha duas distinções concomitantes e importantes que têm a ver com o estatuto da letra a partir de Lacan: a distinção entre a fala e o escrito e a distinção entre o escrito e a publicação.

Os textos reunidos não são Atas, pelo fato de que nem todas as intervenções foram publicadas e de que as que o foram passaram pela revisão de uma comissão de leitura que sugeriu alterações com as quais os autores concordaram. Isso deu ensejo a uma correspondência entre autores e comissão de leitura, o que reiterou a passagem da fala ao escrito ao fazer uma passagem do escrito ao escrito.

Os textos não são bilíngues. O bi foi tirado. Cada autor escreveu na sua própria língua com um resumo na outra língua. Há algo de parcial que interroga as confusões possíveis ligadas a uma ideia de simetria e de totalização do bilíngue. Há heterogêneo e não-todo.

SOBRE OS AUTORES:

Ana Vicentini de Azevedo exerce a psicanálise em São Paulo e é membro da Association Psychanalytique Encore (Paris). Foi professora da Universidade de Brasília e da Universidade Federal de São Carlos. É PhD em Literatura Comparada pela City University of New York (psicanálise e tragédia grega) e autora de livros e artigos publicados no Brasil e no exterior.

Ângela Maria Rezende Vorcaro é psicanalista membro da Association Lacanienne Internationale, Professora Doutora da Universidade Federal de Minas Gerais, membro do Centro Outrarte (Unicamp) e do grupo de pesquisa Psicanálise, infância e educação (ANPPEP), autora de A criança na clínica psicanalítica e de Crianças na psicanálise: clínica, instituição, laço social (ambas pela Cia de Freud, Rio de Janeiro) e organizadora de Quem fala na língua? (Salvador: Agalma).  

Cláudia Thereza Guimarães de Lemos é psicanalista, membro da Association Psychanalytique ENCORE e do Centro de Pesquisa OUTRARTE, Instituto de Estudos da Linguagem (IEL), Unicamp.

Dominique Texier est pédopsychiatre et psychanalyste. Installée en libéral à Thonon, elle dirige aussi à Paris le CMPP (Centre Médico Psychopédagogique) du 6°. Elle est membre de l'Association de Psychanalyse Encore. Elle est auteure de l'ouvrage Adolescences contemporaines publié chez Eres, en 2011 et a dirigé l'ouvrage collectif  L'enfant connecté publié également chez Eres, en 2014.

Dorothee Muraro est docteure en philosophie et orthopédagogue, présidente de L'Institut Français d'Orthopédagogie (IFO). Après avoir été professeure de philosophie et enseignante spécialisée, elle s'est intéressée pour son doctorat au travail de Lacan sur la poïétique du langage et la transmission de ses effets de sens tout en se formant à l'orthopédagogie. Elle participe à différents projets pédagogiques ainsi qu'à des études plus larges sur le lien entre l'espace, l'art et les apprentissages.

Edit Mac Clay est psychanalyste à Paris. Elle travaille, aussi au BAPU Luxembourg auprès d'étudiants universitaires et reçoit des adolescents confiés par l'Aide Sociale à l'Enfance. Elle est co-fondatrice et membre de l'Association de Psychanalyse Encore. Ces travaux ont été publiés, entre autres, dans la revue Essaim, dont, notamment, un "Index de noms propres et des oeuvres" du Séminaire L'Ethique de la psychanalyse de Jacques Lacan.

Elisa Rennó dos Mares Guia-Menendez é psicóloga, psicanalista, membro da Associação de Psicanálise Encore. Doutoranda em Psicopatologia e Psicanálise na Université Paris 7 - Diderot; trabalha em um serviço de psiquiatria infanto-juvenil na região parisiense e atua como psicanalista em Paris.

Erik Porge est psychanalyste à Paris, membre de l'Association de Psychanalyse Encore et auteur de les livres Transmettre la clinique psychanalytique. Freud, Lacan, aujourd'hui (Érès, 2005), Des fondements de la clinique psychanalytique (Érès, 2008) entre autres.

José Guillermo Milán-Ramos é Licenciado em Linguística pela UdelaR (Uruguai) e doutor em Linguística pelo IEL, Unicamp (Brasil). Professor Agregado no Instituto de Psicologia Clínica da Faculdade de Psicologia (UdelaR - Uruguai). Coordenador do Projeto “Formación de la clínica psicoanalítica en el Uruguay” (UdelaR). Autor dos livros Hombres de palabra (Montevidéu, Lapzus, 2005) e Passar pelo Escrito (Campinas, Mercado de Letras, 2007), e de diversos artigos em publicações especializadas. Coordena, com Nina Leite, a Coleção Terramar na Editora Mercado de Letras.

Mariana Marques Moraes é Licenciada e bacharelada em Filosofia pelo Unicamp - Brasil. Investigadora do Projeto “Formación de la clínica psicoanalítica en el Uruguay” (UdelaR - Uruguai). Cocoordenadora da oficina de escrita da Radio Comunitária Vilardevoz (Hospital Psiquiátrico Vilardebó, Uruguai). Forma parte do conselho editorial da revista de ensaios “Colectivo Prohibido Pensar” (Uruguai).

Nina Virginia de Araujo Leite é psicanalista, professora no Instituto de Estudos da Linguagem (Unicamp), membro fundador do Centro de pesquisa Outrarte, membro da Association Psychanalyse Encore, coordena, com José Guillermo Milán-Ramos, a Coleção Terramar (Editora Mercado de Letras) e coordena também a Coleção Litorais da Psicanálise (Editora Unicamp).

Simone Wiener exerce la psychanalyse à Paris. Elle fait partie du comité de rédaction de la revue Essaim. Membre de l'association Encore, elle y anime un séminaire de recherche (Ouclipo) sur l'écriture et la transmission de la clinique. Elle s'intéresse aux langues et à leurs modes d'écritures pouvant présentifier le sujet et son désir.

Yann Diener  est psychanalyste à Paris, a publié On agite un enfant aux éditions La fabrique en 2011.

 
 
Por: R$ 40,60
ISBN: 978-85-7591-395-6
Páginas: 200
Formato: 12 x 22
Altura: 0
Largura: 0
Comprimento: 0
Acabamento: Brochura
Edição:
Idioma: Português / Francês
Ano: 2016
 
 
Forma de Pagamento :